Pages

Rabu, 10 September 2014

Carta de uma adolescente

"Sentada sobre o chão frio estou neste exato momento, enquanto em minha mente se passa como um filme a lembrança de momentos tão bons de minha vida, momentos esses que você sempre esteve ao meu lado, seu sorriso é tudo o que se passa na minha cabeça agora, sei que não será fácil quando você estiver lendo esta carta, mas saiba que pra mim também não é fácil está escrevendo-a. Em uma mão tenho uma caneta com a qual escrevo essa carta, na outra há um cigarro que sempre me acalma em momentos tristes como esse.


Desde que você entrou em minha vida as coisas se acalmaram, o mundo se tornou um lugar mais confortável e eu finalmente consegui ter mais paz, eu realmente pensei ter achado o meu lugar, mas agora as dores voltaram, e dessa vez mais desprezíveis, acho que tive felicidade demais ao seu lado, não que isso não tenha sido bom, mas acho que não devia ter sido tão feliz, nasci para sofrer? acho que sim.

A folha está suja do sangue que escorre de meus pulsos, eu não cumpri a promessa feita a você e principalmente feita a mim, mas dessa vez há uma diferença, fui longe demais desculpe-me. Estou mal, angustiada, sentindo-me suja e culpada, culpada de todo o meu sofrimento, deveria ter procurado e insistido mais pela felicidade mas não o fiz, fui covarde. Eu tentei ser mais forte, tentei ignorar os comentários maldosos e as pessoas que me fizeram sofrer...

Sei que assim como existem pessoas querendo o meu mal, existem pessoas que querem o meu bem e que me amam, assim como você e por isso quero que á essas pessoas você diga o quanto eu as amei e que peço sinceras desculpas.

Várias vezes tive vontade de erguer minha cabeça e viver feliz, mas isso era muito difícil.  Quero dizer-te que foi ótimo enquanto pude estar ao teu lado, te ouvir me chamar de pequena, dizer que me ama e que me faria feliz a qualquer custo, obrigada por ter tentado e muitas vezes conseguido, você foi meu anjo da guarda, meu companheiro fiel. Não quero te fazer sofrer, não quero te fazer chorar, nem se culpar de nada, quero ver você feliz mesmo não estando por perto, quero ver o teu sorriso mesmo que seja pra iluminar a vida de uma outra pessoa, quero ver sua felicidade mesmo que eu não possa vivencia-lá.

São meus últimos suspiros, vejo o sangue espalhado no chão ainda escorrendo um pouco de meus pulsos, estou perdendo a força e meu coração desacelera, mas uma vez peço desculpas, mas a dor me venceu eu deixei que ela vencesse por não ter forças para lutar.

 Imagino que algumas pessoas iram se perguntar porque, isso é simples, o mundo não queria meu bem, eu não me sentia bem e acabei pensando em uma solução definitiva, que é essa.
Meu amor, apenas uma última coisa...
Eu te amo. "

  Ela deitou-se deixando que a morte chegasse até ela. Sabia que algumas pessoas chorariam que sofreriam, mas elas superariam. 
 

Sample text

Sample Text

Sample Text